Bom Dia! Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018.
 Home

   

O Santo Rosário | Mistérios Gozosos | Mistérios Dolorosos | Mistérios Luminosos | Mistérios Gloriosos

MISTÉRIOS DOLOROSOS

1° - A AGONIA DE JESUS NO HORTO DAS OLIVEIRAS

 

Então Jesus foi com eles a um lugar chamado Getsêmani e disse aos discípulos: "Sentai-vos aí enquanto vou até ali para orar". Levando Pedro e os dois filhos de Zebedeu, começou a entristecer-se e a angustiar-se. Disse-lhes, então: "Minha alma está triste até a morte. Permanecei aqui e vigiai comigo". E, indo um pouco mais adiante, prostrou-se com o rosto em terra e orou: " Meu Pai, se é possível, que passe de mim este cálice; contudo, não seja como eu quero, mas como tu queres". (Mateus - 26,36-39) E, cheio de angústia, orava com mais insistência ainda, e o suor se lhe tornou semelhante a espessas gotas de sangue que caíam por terra. ( Lucas - 22,44 )

Na oração de abandono ao Pai, Jesus reencontra força e confiança; é enviado um anjo para consolá-lo. Assim, Jesus será o nosso anjo consolador, é como se nos dissesse: "porque te perturbas nas dificuldades? Seja forte em mim; olha o teu Deus no Getsêmani e serás vitorioso". Peçamos de nos abandonarmos a Deus para cumprirmos sempre a sua vontade.

 

 Pai Nosso

 Ave Maria  

 Glória ao Pai

 Jaculatória



2° - A FLAGELAÇÃO DE JESUS CRISTO

 

Chegada a manhã, todos os chefes dos sacerdotes e os anciãos do povo convocaram um conselho contra Jesus, a fim de levá-lo à morte. Assim, amarrando-o, levaram-no e entregaram-no a Pilatos, o governador. Pilatos perguntou: "Que farei de Jesus, que chamam de Cristo?" Eles, porém, gritavam com veemência:"Seja crucificado!" Tornou a dizer-lhes: "Mas que mal ele fez?" Eles, porém gritavam com veemência: "Seja crucificado!" (Mateus 27, 1-2, 22-23) Pilatos, então, querendo contentar a multidão, soltou-lhes Barrabás e, depois de fazer açoitar a Jesus, entregou-o para que fosse crucificado. (Marcos 15, 15)

Quantos golpes, quantas torturas, quantas chagas se abrem sobre o corpo de Jesus. Quanto sangue jorra à terra enquanto os flageladores riram, insultaram-no e juntaram forças para golpear o corpo inocente de Jesus. Peçamos de aceitar todos os insultos por amor do Senhor e, também, um verdadeiro arrependimento dos nossos pecados.

 

 Pai Nosso  Ave Maria    Glória ao Pai  Jaculatória

 



3° - A COROAÇÃO DE ESPINHOS 

 

Em seguida, os soldados do governador, levando Jesus para o Pretório, reuniram contra ele toda a corte. Despiram-no e puseram-lhe uma capa escarlate. Depois, tecendo uma coroa de espinhos, puseram-na em sua cabeça e um caniço na mão direita. E, ajoelhando-se diante dele, diziam-lhe, caçoando: "Salve, rei dos judeus!" E cuspindo nele, tomaram o caniço e batiam-lhe na cabeça. Depois de caçoarem dele, despiram-lhe a capa escarlate e tornaram a vesti-lo com as suas próprias vestes, e levaram-no para o crucificar. (Mateus 27,27-31)

Pensemos ao zombamento, ao ultrage, ao sofrimento, à nudez, dos quais foi vítima Jesus. Foi-lhe tirada toda dignidade, foi tratado como culpado dos mais graves pecados. Parece dizer-nos: "porque te desesperas se alguém te faz sofrer? Assim me amas? Medita na minha paixão e nela faça nascer riquezas imensas". Peçamos o dom da paciência para aceitar todas as humilhações, pensando aquilo que Jesus sofreu por nós.

 

 Pai Nosso  Ave Maria    Glória ao Pai  Jaculatória

 



4° - A SUBIDA DE JESUS, RUMO AO CALVÁRIO, CARREGANDO A CRUZ

 

Enquanto o levavam, tomaram um certo Simão de Cirene, que vinha do campo, e impuseram-lhe a cruz para levá-la atrás de Jesus. Grande multidão do povo o seguia, como também mulheres que batiam no peito e se lamentavam por causa dele. Jesus, porém, voltou-se para elas e disse: "Filhas de Jerusalém, não choreis por mim; chorai, antes, por vós mesmas e por vossos filhos! Pois, eis que virão dias em que se dirá: Felizes as estéreis, as entranhas que não conceberam e os seios que não amamentaram! Então, começarão a dizer às montanhas: Caí sobre nós! e às colinas: Cobri-nos! Porque se fazem assim com o lenho verde, o que acontecerá ao seco?". Eram conduzidos também dois malfeitores para serem executados com ele. (Lucas 23, 26-32)

Mesmo que fosse só por você, Jesus teria sofrido igualmente tais penas, tamanho é o seu amor por você. Ao longo do Calvário, Jesus avista Maria, a Mãe. Quanto custa a Ela aquele 'sim'... o seu coração de mãe é ferido. Peçamos a Maria a graça de aceitarmos sempre nossa cruz, a fim que seja sustentada por Ela e Jesus.

 

 Pai Nosso  Ave Maria   Glória ao Pai  Jaculatória

 



5° - A CRUCIFICAÇÃO E MORTE DE JESUS

 

Perto da cruz de Jesus, permaneciam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria, mulher de Clopas, e Maria Madalena. Jesus, então, vendo sua mãe e, perto dela, o discípulo a quem amava, disse à sua mãe: "Mulher, eis o teu filho!" Depois disse ao discípulo: "Eis a tua mãe!" E a partir dessa hora, o discípulo a recebeu em sua casa. (João 19, 25-27)

Jesus nos quer ver perto de sua Mãe; quer que, como criancinhas, nós tenhamos nossa mãozinha na mão de Maria. Somente assim Jesus nos traz sua predileção. Pede-nos de olhar à Mãe celeste, isto é, de amá-la. Quer que acolhamos Nossa Senhora como nossa verdadeira Mãe, que gera em nós a graça. Maria, nos confiamos a Ti, toma-nos e coloca-nos no refúgio do teu Coração Imaculado, forma-nos com a tua humildade para curar-nos da nossa soberba, aquela soberba que freqüentemente nos faz pensar em poder menosprezar Deus, aquele que morreu por nós.

 

 Pai Nosso  Ave Maria   Glória ao Pai  Jaculatória
 Voltar